Nossos parceiros

sábado, 18 de abril de 2015

A última carta de amor para você

  Falar de tudo que você me faz sentir parece fácil, mas não é, pensei que quando começasse a escrever essa carta, não pararia até chegar ao fim, mas eu parei diversas vezes, para tentar encontrar as palavras certas, e te fazer entender, não sei se quando você terminar de ler vai realmente entender ou vai dar risada da minha falta de maturidade, mas eu nem ligo, o importante é te contar tudo que está preso aqui na garganta.    

  
Quando nos vimos naquela noite, eu não sabia que seria a ultima, e não pude me despedir direito, não teria deixado nenhuma palavra escapar, mas infelizmente eu deixei né? Me desculpe! Sei que você não percebeu, mas quando eu abri a porta do carro, tive que segurar o “Eu te amo” que estava teimando em sair da minha boca, eu tive medo de estragar tudo outra vez, se bem que nem adiantou, talvez se eu tivesse dito, as coisas poderiam ter seguido um rumo diferente, ou talvez só adiantasse o fim, e é esse talvez que me mata todos os dias. Eu quis tanto que desse certo, pedi, orei a Deus todas as noites pra ele fazer seu coração se abrir pra mim, e cada vez que eu sentia o calor do teu abraço, parecia que eu estava perto de conseguir, você estava ali inteiro pra mim naquele momento, o que eu mais eu poderia querer? Não sei se você sentia o mesmo que eu quando estávamos juntos, mas pra mim aquilo tudo era tão especial, tão cheio de sentimento, seus beijos, seus olhares, eram todos tão apaixonantes, me dava vontade de te abraçar e não soltar nunca mais.

  Eu sei que te assustei, mas tente entender que eu também não sabia direito o que fazer, não tive a intenção de te trazer um problema, eu só precisava contar pra alguém, e você era a única pessoa que podia saber disso, eu não quis em momento algum arruinar sua vida, muito pelo contrario. Mas não tem como voltar atrás e concertar os erros ou engolir as palavras, tais palavras que te confesso, me magoaram profundamente, eu nunca imaginei tal atitude sua, e ainda insisto em acreditar que você não estava falando sério, que não teria tanta coragem e frieza, mas não vou ficar aqui te julgando, pois, não sou perfeita, também cometi meus erros nessa história. Olha, não era para ter terminado desse jeito, com toda essa raiva, e todo esse desprezo, era pra ter sido diferente, porque deixamos chegar a este ponto, porque não terminamos como pessoas normais? Você me disse uma vez que sempre estaríamos em harmonia, onde ela foi parar?

 Quando você disse que iria me deixar em paz e que já estava apagando meus números, eu disse pra mim mesma que ia te esquecer e que não queria te ver, mas me diz como eu faço para esquecer alguém que é importante em minha vida, alguém que me fazia rir feito criança, que me deixava tonta, que me irritava, que se preocupava comigo, que me dava o melhor beijo do mundo, como posso esquecer esse alguém que numa noite de desespero ficou do outro lado da linha lutando contra o sono só pra evitar que eu passasse o resto da noite chorando, não tem jeito, nem se eu desejar isso, eu nunca vou esquecer você, eu não quero esquecer, e nem posso, e peço do fundo do meu coração que não me esqueça, me deixe ser uma lembrança boa e me guarde bem lá no cantinho do seu peito, e se um dia sentir vontade de relembrar, olhe pra dentro de você, e eu estarei lá. Eu te amo tanto, e sou tão grata por tudo que vivemos, tudo mesmo, os momentos bons e os ruins, as brigas, as palhaçadas, as ousadias, tudo.  

 Eu sinto tanto a sua falta, que doí como nunca imaginei que pudesse doer, tem dias que sinto vontade de arrancar meu coração e fugir dessa dor, dessa saudade que não me deixa viver em paz.

  Enfim, acho que é hora do adeus oficial, não quero ir, não quero te deixar, mas foi uma escolha sua e eu respeito isso. Se algum dia, pode ser hoje, amanhã, depois, ano que vem ou daqui a vinte anos, você sentir vontade de conversar, eu vou estar aqui sempre, é só chamar. Agora tenho que ir, você já deve estar cansado de tanto ler. Um grande beijo...




                                                                                                 
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Você precisa lançar este livro rápido.... Esperando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode deixar, ele tá quase chegando haha :)

      Excluir

Olá,
Gostariamos muito de saber a opinião de vocês sobre o blog, os posts e até sobre nós se vocês quiserem. Mas também gostariamos de pedir que moderassem nas palavras, para que não haja más interpretações.

A opinião de vocês é muito importante para nós.

Beijoo Beijoo ...