Nossos parceiros

sábado, 12 de setembro de 2015

Resenha: O Pequeno Príncipe - O filme



Uma garota acaba de se mudar com a mãe, uma controladora obsessiva que deseja definir antecipadamente todos os passos da filha para que ela seja aprovada em uma escola conceituada. Entretanto, um acidente provocado por seu vizinho faz com que a hélice de um avião abra um enorme buraco em sua casa. Curiosa em saber como o objeto parou ali, ela decide investigar. Logo conhece e se torna amiga de seu novo vizinho, um senhor que lhe conta a história de um pequeno príncipe que vive em um asteróide com sua rosa e, um dia, encontrou um aviador perdido no deserto em plena Terra.


AVISO: Contém spoilers! 

É engraçado eu ter tantos livros e perceber que entre eles não há nenhum exemplar do Pequeno Príncipe. Uma vez eu comecei a ler a história mas não terminei, ouve um impedimento que prefiro não comentar neste post. Maaaas, mesmo que eu não tenha lido o  livro, conheço bastante sobre a história e por isso eu corri para o cinema e assisti k filme, que está simplesmente fantástico. E como eu estou nessa onda de resenhas (tô invadindo o espaço da Anny... Sorry amiga! Kkk) resolvi fazer essa pra vocês.


  Uma coisa engraçada é que eu não me lembro o nome dos personagens e nem se foram mencionados durante o filme, eu foquei tanto em outros detalhes que nem reparei. O filme começa com a mãe da garotinha (que eu não lembro o nome) mostrando a ela seu plano de vida, logo após ela não ter passado em uma entrevista super importante para um excelente colégio, e terem se mudado para uma casa mais próxima desse mesmo colégio. A mãe organizou tudo detalhadamente, seus horários, os dias da semana, a semana do mês, o mês do ano, o ano da vida, UFA! Tudo mesmo! E a garotinha segue tudo isso rigorosamente, sempre em seu quarto estudando e cumprindo com tudo que foi estipulado em seu plano de vida. Do lado da casa delas há uma outra casa muito diferente de todas a outras da cidade, que é a casa do Aviador, um velhinho simpático e muito estabanado que esta sempre tentando fazer seu avião decolar, e em uma das tentativas ele acaba destruindo uma parede da casa da garotinha e acidentalmente bagunçado todo o seu quadro de atividades (o tal plano de vida que eu mencionei). Um dia estudando em seu quarto como sempre fazia, ela vê pousar um aviãozinho de papel em sua escrivaninha, o Aviador então a chama pela janela, só que a garotinha decide ignorá-lo. Quando ela abre o papel percebe que se trata de uma história, sobre um tal Pequeno Príncipe, e é então que o filme começa a acontecer de verdade. A garotinha fica tão curiosa para saber o resto da história que vai até a casa do Aviador para saber mais, e descobre coisas fantásticas e outras nem tanto assim sobre amizade, amor e sobre ser adulto. Ela terá que resgatar o que havia sido perdido, ou melhor, esquecido. 

O filme é recheado de várias citações lindas e que nos fazem refletir sobre muitas coisas, citações essas que já conhecemos muito bem. Prepare-se para rir e chorar muito, essa é uma história que jamais iremos esquecer. Será passada de geração a geração, e todos vão saber sobre o grande Pequeno Príncipe. Eu vou parar por aqui, porque estou com vontade de contar o filme inteiro pra vocês, então meus amores corram pro cinema e se emocionem com essa linda e inspiradora história, e lembrem-se: -"O problema não é crescer. O problema é crescer e esquecer." Não sei se a frase está correta mas é basicamente isso. HAHA.


"Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. Agente só conhece bem as coisas que cativou. Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!"






Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá,
Gostariamos muito de saber a opinião de vocês sobre o blog, os posts e até sobre nós se vocês quiserem. Mas também gostariamos de pedir que moderassem nas palavras, para que não haja más interpretações.

A opinião de vocês é muito importante para nós.

Beijoo Beijoo ...