Nossos parceiros

domingo, 29 de maio de 2016

Papo sério: Vamos falar sobre o estupro sim!

Esse não é nenhum texto de amorzinho, ou coisa parecida. Muito pelo contrário, é sobre um assunto muito sério e que está nos assustando cada vez mais. Esse texto é sobre estupro. 

Que esse crime vem se tornando cada vez mais frequente, já sabemos. Mas o que nós realmente queremos saber é o que leva uma pessoa a tal ato tão horrendo? Essa semana foi divulgado um vídeo de uma jovem sendo estuprada por mais de trinta homens - MAIS DE TRINTA HOMENS conseguem imaginar um coisa dessas? - eu não vi o vídeo, e com toda a certeza do mundo não quero ver, o fato é que além de violentar a garota, ainda expuseram o ato na internet, a nossa famosa terra de ninguém, e depois da repercussão do tal vídeo, algumas (muitas) pessoas se atreveram a dizer que a culpada de tudo aquilo ter acontecido era ela. Culpada do que afinal? De ter saído de casa? De ter escolhido uma roupa bacana e ter ido dar uma volta? Culpada por ter sido tenebrosamente estuprada por mais de trinta homens? Ou culpada por simplesmente ser mulher? 



Um dos piores defeitos do ser humano é achar que tem o poder de julgar o outro, e isso é uma coisa que destrói, tanto que julga quanto quem é julgado. A gente não pode sair por aí dizendo que os pais desses monstros não ensinaram nada de bom a eles, porque nós não sabemos, não acompanhamos a trajetória de vida deles, nós apenas sabemos o que eles se tornaram, e por favor, sem essa de culpar as drogas tá legal!? Não importa se estavam sóbrios ou não, foi um crime. Cometeram um crime terrível e nojento. Não violaram somente o corpo dessa jovem, mas também sua alma, destruíram toda a pequena certeza que ela tinha de que nada de ruim aconteceria a ela, é triste dizer isso, mas a vida dela nunca mais será tão feliz, ela não vai mais sorrir do mesmo jeito, não vai mais ter tanta confiança em sair por aí sozinha como antes, e talvez nunca mais permita que alguém se aproxime, mesmo que seja com boas intenções. Esses caras violaram o direito que ela tinha de viver sem ter que carregar isso nas costas. E as pessoas ainda tem a coragem de dizer que ela é culpada de alguma coisa?

Eu desejo do fundo do meu coração, que essa garota e todas as outras que já sofreram essa violência, encontrem um motivo pra sorrir todos os dias, que se transformem em mulheres extremamente fortes e corajosas, e que mais nada no mundo possa ser capaz de feri-las assim novamente. Na verdade desejo isso a todas, a mim, a você e a todas as outras mulheres que viverão nesse mundo, mas é um desejo especial para elas, que em meio a tanta dor e sofrimento, foram guerreiras o bastante para sobreviver. 


Agora pare um pouco pra pensar e me diga uma coisa, e se fosse com você, do que seria culpada?
 É difícil responder, não é mesmo. Pena que seja tão fácil perguntar. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá,
Gostariamos muito de saber a opinião de vocês sobre o blog, os posts e até sobre nós se vocês quiserem. Mas também gostariamos de pedir que moderassem nas palavras, para que não haja más interpretações.

A opinião de vocês é muito importante para nós.

Beijoo Beijoo ...